quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Urubu Siamês

Mayer estava com Wash no Cuca Ideal, na rua Augusta, São Paulo. Falavam de tudo, menos futebol porque Wash não se dá bem com pelotas. A hora passava e Wash dizia estar cansado. Cansado do trabalho, das garotas idiotas que assombram sua vida. Mas Mayer tinha um surpresa para alegrar aquela pobre noite.
Desceram a rua Augusta como sempre descem: olhavam em cada bar para ver se encontravam alguém conhecido, ver uma briga ou dar risada dos gays frustrados que ali habitam. Após alguns "ois" entram em uma velha casa, famosa, com um nome marcado para sempre no legado da rua Augusta. Sentam no bacão, pedem algumas cervejas. As garotas sumiram. Apenas dois garotoso do outro lado pareciam escolher algumas músicas na jukebox. "Mayer!!!" - grita um deles. Era Jorge. Dizia estar ali faz tempo com Almi, mas as amigas pareciam ter dado bolo. Pareciam.
Wash é logo jogado contra a parede por um segurança. Sem motivo aparentemente. Enquanto o segurança prende suas mãos e venda seus olhos, Mayer e Almi riam e Jorge ainda escolhendo uma música. De repente, Wash sente sua calça abrindo e uma boca suavimente molhada faz um boquete. Ao mesmo tempo, um corpo se esfrega ao lado de seu corpo e outra boca o beija.
Edina, Natacia e Suellen dão as boas vindas! Mais um que acaba de se foder por entrar no blog. A garota do boquete é segredo, a não ser que ela queira se assumir por aqui. Subiram para o quarto com mais duas garotas que estavam por lá. Se não me lembro, uma delas era prima de Natacia. Coisa de família. Wash, segundo elas, mandou muito bem. Melhor que Almi na festa de sua premiação. Wash comentou que fizeram um Urubu Siamês. Seja lá que porra seja isso. Mais uma vez Suellen pediu gelo. Mais uma vez Natacia ficou a semana toda de cama. Edina, bom... saiu com o Almi e até agora não deu as caras. Nem ele.
E jorge? Ficou cuidando de tudo. Bebidas, garotas para o Mayer passar o tempo, comida e música. De péssimo gosto, mas cuidou. E para a turma do blog não repetir o erro da última festa, desta vez Wash pagou tudo. Foda-se. Ele que tirou da carteira seu cartão. Seja bem-vindo!
Isso ai povo medíocre que não tem o que fazer e nos visita! Wash é o novo integrante. Toda quarta-feira estará por aqui contando suas palavras, textos, merdas e felicidades da vida. E quem sabe, nos contar o que é o tal Urubu Siamês. Parabéns!

16 Cafezinhos:

Jorge Oliveira disse...

wawawa eu ´soh me fodo nos textos do mayer! não comi ninguém e ainda fiquei de garçon da galera. wawawa
depois resolvo com o wash ele ainda me paga...wawa
do caralho jesus!

Fluoxetina Com café disse...

aquela da bunda arrebitada é a natacia!

Wash disse...

que recepção de boas-vindas heim! good gosh...

a partir de quarta que vêm, entro em ação! tadaimassu!!

Didiorock disse...

hahahaha... a velha e boa rua augusta gera muitas histórias!

urubu siamês... hauhauhaua

Tiburciana disse...

Nossa ele foi estivador deve realmente fazer com brutalidade o ato sexual ....
Mais um para me deliciar com esses textos
Bjinhos

DANIZINHA disse...

hahahahaha..como são animados esses rapazes.
Cerimonia de iniciação. Mas, pelo jeito o cara que iniciou as moças no tal do urubu siamês..essa foi forte. rs

falow

Marcelo Mayer disse...

fodeu wash, fodeu!

Natacia Araújo disse...

Eu sou a que está ali debaixo do fotógrafo^^

Foi linda mais uma noite em família...rsrs

Luciana disse...

kkkk!
Seja bem-vindo!

Edina Regina Araújo disse...

Bem -vindo meu querido!
Espero que vc tenha gostado da farra hahhahaaha beijão

HSLO disse...

Haaaaa...seja bem vindo, então.


abraços

Hugo

Suellen Nara disse...

hauhauhha
Que viaaagem... Mais uma vez me vi em apuros.. Gelo por favor!!

Wash Bem vindo ao cabaré!

Nathi disse...

Mais um "bem-vindo" à moda Fluoxetina. hehe.

Almi Júnior disse...

Eu era virgem na minha festa de premiação, nem vale. :(

Ferdi disse...

AEEEEEEEE, mais um fluoxetino <3

Erica Ferro disse...

HASHASUSHUASAS
Bem que desconfiei que tinha sido o Mayer que tinha escrito o texto. ;)

Wash, seja bem vindo seria a palavra mais adequada? HAUASHASUHAS

De qualquer modo, quero ler suas palavras todas as quartas.