segunda-feira, 9 de novembro de 2009

Mulherzinha

Na visão machista de alguns homens “modernos”, nós mulheres evoluímos no passo de uma formiga desnutrida.
Bastam ouvir por apenas alguns minutos o diálogo de médicos cheios de observações “técnicas” em relação à mulher.
É muito interessante observar métodos primitivos sendo utilizados por "Doutores".
Primeiro, analisam a futura caça a ser abatida como um pedaço de carne exposta em um matadouro clandestino.
Sim, mas vide a validade, claro, as carnes de preferência frescas, novinhas.
A concepção é simples, quanto mais nova mais inexperiente, burrinha mesmo, já tem o agravante de ser mulher e inexperiente então...
Inatingíveis com o seu complexo de Deus, tem também a tradição. Médico de verdade tem tradição, lógico. E acreditam realmente que toda mulher adora ser considerada gostosinha, lindinha, gracinha e tantas outras "inhas" da vida.
Acham que suas cantadas e brincadeirinhas são de um bom gosto e inteligência admiráveis.
E se sorrimos em estado de choque das besteiras apresentadas, eles simplesmente deliram!
Nem imaginam que, cada sorriso amarelado e perplexo é apenas mais uma de nossas constatações.
Sorrimos muitas vezes dizendo:
-Sim, você é um idiota arrogante, convencido e eu queria enfiar seu ego em um lugar não muito cristão...
Enfim, enquanto eles perdem tempo medindo o tamanho do pênis e o tamanho das bundas, alcançamos com sagacidade e sorrisos nosso lugar na sociedade, mesmo sabendo que, precisaremos ainda “sorrir" algumas vezes fingindo achar graça para não perder o emprego por causa de alguns idiotas...

P.S Este texto é meramente fictício, se você é homem além de médico e se identificou com as linhas acima, o Ministério da Saúde adverte: A persistirem os sintomas procure seu médico.

11 Cafezinhos:

Natacia Araújo disse...

kkkkkkkkkkk
Vidinha cruel essa né...Médicos são deuses de sua própria arrogancia. Na maioria claro, alguns ainda se salvam.
Ótimo texto!
O Ministério da saúde a essa hora está recebendo vários chamados...rs
Adorei!

Marcelo Mayer disse...

por tentar entender as mulheres, tomo setralina e carbolitium todos os dias... e claro, meu cigarro já me odeia por isso.

Jorge Oliveira disse...

hahaha a os homens são bonzinhos vai, vcs é que são cruéis com a gente.
Demais o texto!

Helena Rocha disse...

kkkkkkkkkkkk.... atá kkkkkk..
to t seguindú e fiku t pereandú por lá di volta bjússs
Lena

Silvia Caroline disse...

eu concordo com o texto.
ainda temos que destribuir sorrisos para as suas conversas sem graça, as vezes.

bom texto.

Deusa Odoyá disse...

Olá meu novo amigo.
Concordo com a nossa amiga Silvia e o texto.
Parabéns...
Uma semana de muitas realizações e paz.
Aguardo sua visita ao meu cantinho.
Regina Coeli.
Beijinhos doces.

Non je ne regrette rien: Ediney Santana disse...

teu texto é precioso e direto.. e levei para sala de aula

Roberto Camilo disse...

hehe Sagaz heim Edina!
Muito bom!

Carlos Fontana disse...

Ainda bem que otorrino não é médico e que eu não sou homem....kkkkkkkkk

Ana Seerig disse...

Estou de completo acordo contigo!

Edina Regina Araújo disse...

Boa Carlos hahahaahaha